logo

pub_carrossel_horz2.jpg

img

Filhos

Ajudar os nossos Bombeiros

Por Inês

Os soldados da paz são os nossos heróis, nesta altura do ano, e este ano, mais do que nunca.

Com a tragédia de Pedrógão Grande e com os miúdos mais crescidos e atentos ao que os rodeia, tentámos explicar e enquadrá-los à medida que, também nós íamos sabendo nas notícias o que se estava a passar. Explicar a morte numa situação tão trágica e repentina, explicar o que significa perder tudo o que se tem na vida, perder toda a paisagem que rodeia os nossos dias e os vira do avesso para um recomeço penoso, não é fácil. Mas faz parte da vida de outras pessoas que afinal nos são tão próximas e por isso, penso que o melhor que fizemos foi dar a conhecer essa realidade aos miúdos. 

Eles acabaram por ficar com uma noção do que se passou, da gravidade, da extensão, de tudo o que aquelas pessoas sofreram (e o importante que é tentarmos pôr-nos no seu lugar para melhor compreender a dor dos outros, sentir compaixão e empatia pelo próximo). 

Eles ficaram impressionados, claro. Volta e meia, sobretudo quando vêem alguma notícia relacionada, eles falam nos incêndios, no que as pessoas podem perder e sobretudo, falam nos bombeiros.

O Pedro porque já consegue compreender a força da sua missão, o Miguel porque é fixado em tudo o que seja máquinas e ação, cada um à sua maneira já admira imenso o trabalho, o esforço, a missão de vida dos bombeiros. Ficam impressionados com a sua capacidade de avançar para os fogos, de ajudar sem esprar nada em troca, de correr o risco de perder a sua vida para ajudar os outros.

Photo_01_08_17_19_30_31.jpg

Por isso, se no ano passado foi uma diversão relacionar a profissão de bombeiro com tantas outras profissões, este ano, aprender a prevenir  e a actuar perante um incêndio a partir do que ensina um bombeiro tem sido uma imensa aprendizagem para eles! 

De facto, em 2017 o projeto de apoio aos Bombeiros do Grupo Os Mosqueteiros (link) vem na continuidade da campanha de 2016. O objetivo, à semelhança dos três anos anteriores, é angariar fundos para a aquisição de equipamentos de proteção individual de combate a incêndios florestais.

O livro "Bombeiro dos pés à cabeça" já está à venda em todo o país, num total de 313 lojas Intermarché, Bricomarhé e Roady. Ele alia a ajuda aos Bombeiros a uma componente que pretende ensinar aos nossos filhos qual a importância da floresta e da prevenção dos incêndios. Apesar de se tratar de um livro infantil a mensagem é transversal a diferentes faixas etárias: é preciso utilizar os nossos sentidos para prevenir incêndios. A história do livro parte exatamente desta ideia de respeito pela natureza da qual resulta um eficaz combate a incêndios alicerçado na prevenção.

Photo_01_08_17_18_55_35.jpgOs miúdos não largam o livro e eu fico contente que aprendam estas lições de forma divertida, com tanto valor!

Vejam aqui a informação que eu compilei sobre a prevenção de fogos florestais.

Parceria Grupo Os Mosqueteiros. 

 

 

Clique na Imagem para ver a Galeria

squareimg
squareimg
squareimg
squareimg
squareimg
squareimg
squareimg

Deixe o seu comentário

Publicações relacionadas

Instagram